SELEÇÕES

OFERTAS FANTÁSTICAS

domingo, 31 de janeiro de 2016

LEITURA - O NOME DE DEUS



Teologia
Leitura
O NOME DE DEUS


Porém Moisés disse:
— Quando eu for falar com os israelitas e lhes disser: “O Deus dos seus antepassados me enviou a vocês”, eles vão me perguntar: “Qual é o nome dele?” Aí o que é que eu digo?
Deus disse:
— Eu Sou Quem Sou.
E disse ainda:
— Você dirá o seguinte: “Eu Sou me enviou a vocês. O SENHOR, o Deus dos seus antepassados, o Deus de Abraão, o Deus de Isaque e o Deus de Jacó, me enviou a vocês. Este é o seu nome para sempre, e assim ele será lembrado por vocês em todos os tempos.

EXÔDO 03:13-15

LEITURA - O PODER DE MOISÉS PARA FAZER MILAGRES



Teologia
Leitura
O poder de moisés para fazer milagres


Aí Moisés respondeu a Deus, o SENHOR:
— Mas os israelitas não vão acreditar em mim, nem vão dar atenção ao que eu falar e vão dizer que o SENHOR não me apareceu.
Então o SENHOR perguntou:
— O que é isso que você tem na mão?
— Um bastão — respondeu Moisés.
Deus disse:
— Jogue-o no chão.
Ele jogou, e o bastão virou uma cobra. E Moisés fugiu dela.
Aí o SENHOR ordenou a Moisés:
— Estenda a mão e pegue a cobra pelo rabo.
Moisés estendeu a mão e pegou a cobra pelo rabo, e de novo ela virou um bastão na mão dele.
Então o SENHOR disse:
— Faça isso para provar aos israelitas que o SENHOR, o Deus dos seus antepassados, o Deus de Abraão, o Deus de Isaque e o Deus de Jacó, apareceu a você.
E o SENHOR continuou:
— Agora ponha a mão no peito.
Moisés obedeceu. E, quando tirou a mão do peito, ela estava leprosa, branca como a neve.
— Ponha outra vez a mão no peito — ordenou Deus, o SENHOR.
Ele pôs a mão no peito novamente. E, quando a tirou, ela estava tão boa como o resto do corpo.
Então o SENHOR lhe disse:
— Se com o primeiro milagre os israelitas não acreditarem em você e não se convencerem, então com o segundo vão acreditar. Mas, se com esses dois milagres ainda não crerem e não quiserem ouvir o que você disser, tire água do rio Nilo e derrame no chão, que ela virará sangue.

EXÔDO 4:1 - 09

LEITURA - DEUS CONTINUA FALANDO COM MOISÉS



Teologia
Leitura
Deus continua falando com moisés


Depois Deus disse:
— Vá, reúna os líderes do povo de Israel e diga que eu, o SENHOR, o Deus dos seus antepassados, o Deus de Abraão, o Deus de Isaque e o Deus de Jacó, apareci a você e ordenei que lhes dissesse: “Tenho visto a sua situação e sei o que os egípcios estão fazendo com vocês. Eu resolvi tirá-los do Egito, onde estão sendo maltratados. E vou levá-los para uma terra boa e rica, a terra dos cananeus, dos heteus, dos amorreus, dos perizeus, dos heveus e dos jebuseus.”
— O meu povo ouvirá o que você vai dizer. Depois você e os líderes do povo de Israel irão falar com o rei do Egito. Digam a ele: “O SENHOR, o Deus dos hebreus, apareceu a nós. Agora deixe-nos ir para o deserto, a uma distância de três dias de viagem, para oferecer sacrifícios ao SENHOR, nosso Deus.” Eu sei que, se o rei do Egito não for obrigado, ele não deixará vocês irem embora. Por isso eu vou usar o meu poder e fazer coisas terríveis para castigar os egípcios. Depois disso o rei deixará que vocês saiam do Egito.
— Eu farei com que os egípcios respeitem vocês. E, quando vocês saírem, não irão de mãos vazias. Cada mulher israelita deverá pedir às mulheres egípcias que estiverem morando na casa dela ou que sejam suas vizinhas que lhe deem objetos de prata e de ouro e roupas com que vocês vestirão os seus filhos e as suas filhas. E assim vocês tomarão as riquezas dos egípcio

EXÔDO 03:16-22

quinta-feira, 28 de janeiro de 2016

LEITURA - OS LAVRADORES MAUS



TEOLOGIA
Leitura
OS LAVRADORES MAUS


Jesus disse:
— Escutem outra parábola: certo agricultor fez uma plantação de uvas e pôs uma cerca em volta dela. Construiu um tanque para pisar as uvas e fazer vinho e construiu uma torre para o vigia. Em seguida, arrendou a plantação para alguns lavradores e foi viajar. Quando chegou o tempo da colheita, o dono mandou alguns empregados a fim de receber a parte dele. Mas os lavradores agarraram os empregados, bateram num, assassinaram outro e mataram ainda outro a pedradas. Aí o dono mandou mais empregados do que da primeira vez. E os lavradores fizeram a mesma coisa. Depois de tudo isso, ele mandou o seu próprio filho, pensando: “O meu filho eles vão respeitar.” Mas, quando os lavradores viram o filho, disseram uns aos outros: “Este é o filho do dono; ele vai herdar a plantação. Vamos matá-lo, e a plantação será nossa.”
— Então agarraram o filho, e o jogaram para fora da plantação, e o mataram.
Aí Jesus perguntou:
— E agora, quando o dono da plantação voltar, o que é que ele vai fazer com aqueles lavradores?
Eles responderam:
— Com certeza ele vai matar aqueles lavradores maus e vai arrendar a plantação a outros. E estes lhe darão a parte da colheita no tempo certo.
Jesus então perguntou:
— Vocês não leram o que as Escrituras Sagradas dizem?

“A pedra que os construtores rejeitaram
veio a ser a mais importante de todas.
Isso foi feito pelo Senhor
e é uma coisa maravilhosa!”

E Jesus terminou:
— Eu afirmo a vocês que o Reino de Deus será tirado de vocês e será dado para as pessoas que produzem os frutos do Reino. Quem cair em cima dessa pedra ficará em pedaços. E, se a pedra cair sobre alguém, essa pessoa vai virar pó.
Os chefes dos sacerdotes e os fariseus ouviram as parábolas que Jesus contou e sabiam que ele estava falando a respeito deles. Por isso queriam prendê-lo, mas tinham medo da multidão porque o povo achava que Jesus era profeta

MATEUS 21:33-46

quarta-feira, 27 de janeiro de 2016

LEITURA - CANÇÃO DE LOUVOR AO CRIADOR



TEOLOGIA
Leitura
CANÇÃO DE LOUVOR AO CRIADOR


Ó SENHOR Deus,
que todo o meu ser te louve!
Ó SENHOR, meu Deus,
como és grandioso!
Estás vestido de majestade
e de glória
e te cobres de luz.
Estendes os céus
como se fossem uma barraca
e constróis a tua casa
sobre as águas lá de cima.
Usas as nuvens
como o teu carro de guerra
e voas nas asas do vento.
Fazes com que os ventos
sejam os teus mensageiros
e com que os relâmpagos
sejam os teus servidores.

Tu puseste a terra bem firme
sobre os seus alicerces,
e assim ela nunca será abalada.
Cobriste a terra
com o oceano profundo,
como se ele fosse uma capa,
e as águas ficaram acima das montanhas.
Porém, quando repreendeste as águas,
elas fugiram;
quando ouviram o teu grito de comando,
saíram correndo.
As águas correram pelos montes
e desceram para os vales,
indo ao lugar que preparaste para elas.
Tu puseste um limite para as águas
a fim de que não cobrissem de novo
a terra.

Tu fazes surgir nascentes nos vales,
e os rios correm entre os montes.
Da sua água bebem
todos os animais selvagens;
com ela os jumentos selvagens
matam a sede.
Nas margens dos rios,
os pássaros fazem os seus ninhos
e cantam entre os galhos das árvores.

Do céu tu envias chuvas
para os montes,
e a terra fica cheia das tuas bênçãos.
Fazes crescer capim para o gado
e verduras e cereais para as pessoas,
que assim tiram da terra
o seu alimento.
Fazes a terra produzir o vinho,
que deixa a gente feliz;
o azeite, que alegra;
e o pão, que dá forças.

Muita chuva cai sobre as árvores
de Deus, o SENHOR,
sobre os cedros, que ele plantou
nos montes Líbanos.
Ali os pássaros fazem os seus ninhos,
e as cegonhas constroem as suas casas
nos pinheiros.
Os cabritos selvagens vivem
no alto das montanhas,
e as lebres se escondem nos rochedos.

Tu fizeste a lua para marcar os meses;
o sol sabe a hora de se pôr.
Tu fizeste a noite,
e todos os animais selvagens saem
quando escurece.
Os leões novos rugem enquanto caçam,
procurando a comida que Deus dá.
Porém, quando o sol aparece,
eles voltam
e vão se deitar nas suas covas.
Então as pessoas saem para o serviço
e trabalham até a tarde.

Ó SENHOR, tu tens feito
tantas coisas
e foi com sabedoria que as fizeste.
A terra está cheia das tuas criaturas.
Ali está o mar imenso, enorme,
onde vivem animais grandes e pequenos,
tantos, que não podem ser contados.
No mar passam os navios,
e nele brinca Leviatã,
o monstro marinho que tu criaste.

Todos esses animais dependem de ti,
esperando que lhes dês alimento
no tempo certo.
Tu dás a comida,
e eles comem e ficam satisfeitos.
Quando escondes o rosto, ficam com medo;
se cortas a respiração que lhes dás,
eles morrem
e voltam ao pó de onde saíram.
Porém, quando lhes dás o sopro de vida,
eles nascem;
e assim dás vida nova à terra.

Que a glória de Deus, o SENHOR,
dure para sempre!
Que ele se alegre com aquilo que fez!
O SENHOR olha para a terra, e ela treme;
toca nas montanhas, e elas soltam fumaça.

Cantarei louvores ao SENHOR
enquanto eu viver;
cantarei ao meu Deus a vida inteira.
Que o SENHOR fique contente
com a minha canção,
pois é dele que vem a minha alegria!
Que desapareçam da terra aqueles
que não querem saber de Deus,
e que os maus deixem de existir!

Que todo o meu ser te louve,
ó SENHOR Deus!
Aleluia!

SALMO 104

LEITURA - MOISÉS E ZÍPORA



TEOLOGIA
Leitura
MOISÉS E ZÍPORA


Quando o rei do Egito soube do que Moisés havia feito, quis matá-lo; porém ele fugiu e foi morar na terra de Midiã.
Jetro, o sacerdote de Midiã, tinha sete filhas. Certo dia, quando Moisés estava sentado perto de um poço, elas vieram tirar água e encheram os bebedouros para dar de beber às ovelhas e às cabras do seu pai. Então chegaram alguns pastores e começaram a enxotar as moças dali. Porém Moisés se levantou, e as defendeu, e deu água aos animais. Quando elas voltaram ao lugar onde o seu pai estava, ele perguntou:
— Por que é que vocês voltaram tão cedo hoje?
Elas responderam:
— Um egípcio nos defendeu dos pastores, tirou água para nós e ainda deu água para os nossos animais.
— E onde está ele? — perguntou Jetro. — Por que vocês o deixaram lá? Vão chamá-lo para que venha jantar com a gente.
Depois Jetro convidou Moisés para ficar morando ali, e ele aceitou. Então Jetro lhe deu a sua filha Zípora em casamento. Quando ela teve um filho, Moisés pôs nele o nome de Gérson e disse:
— Sou hóspede em terra estrangeira.
Alguns anos depois o rei do Egito morreu, mas os israelitas continuaram gemendo por causa da sua escravidão. Eles gritavam pedindo socorro, e os seus pedidos chegaram até Deus. Deus ouviu os gemidos deles e lembrou da aliança que havia feito com Abraão, com Isaque e com Jacó. Deus viu a escravidão dos israelitas e ficou preocupado com eles.

EXÔDO 02:15-25

LEITURA - MOISÉS FOGE DO EGITO



TEOLOGIA
Leitura
MOISÉS FOGE DO EGITO


Moisés já era homem feito. Um dia ele saiu para visitar o seu povo e viu como os israelitas eram obrigados a fazer trabalhos pesados. Viu também um egípcio batendo num israelita, um patrício seu. Moisés olhou para os lados e, vendo que não havia ninguém ali, matou o egípcio e escondeu o corpo na areia. No dia seguinte voltou e viu dois israelitas brigando. Então perguntou ao que maltratava o outro:
— Por que você está batendo no seu patrício?
O homem respondeu:
— Quem pôs você como nosso chefe ou nosso juiz? Você está querendo me matar como matou o egípcio?
Então Moisés ficou com medo e pensou: “Já descobriram o que eu fiz

EXÔDO 02:11-14

VIRTUDES - ENTRE NOSSOS CORAÇÕES



virtudes
Leitura
ENTRE NOSSOS CORAÇÕES


Eu não sei mais nada do que queria saber. E isto pouco importa.
Cada momento é um capítulo novo, que se desenrola com novos protagonistas.
E tudo é cheio de novidade, de coisas esquecidas, agora reavivadas.
Onde você esteve até hoje?
Por onde estiveram minhas emoções até agora?
Apertei os botões dos sentidos. Aumentei os volumes.
Botei tudo na caixa acústica do coração.
Vibrei sentimentos. Ecoei.
Fiz músicas novas.
Escolhi minha nuvem.
Voei até você.
Me desfiz e me redesenhei.
Para caber na sua moldura: entre nossos corações.

VIRTUDES - DESACOSTUMADO



virtudes
Leitura
DESACOSTUMADO


Desacostumei com a paixão recíproca.
Tomo susto.
Fico alerta.
Me decepciono comigo mesma nas coisas que eu senti e que não queria ter sentido.
Tem algo em mim que não sei o que é, tampouco do que é capaz.
Não tenho controle dos meus pensamentos como se somente existisse um nome.
Saudade de ontem, quando eu ainda não era o que sou hoje.
Saudade do minuto passado desperdiçado com coisas que eu não sei explicar.
Desacostumei a lidar com estas emoções desenfreadas.
Não sei onde fazer parar...
Apaga as cicatrizes!
É dia novo!
É momento alheio de passado.
Desacostumado.

VIRTUDES - MANIFESTA



virtudes
Leitura
manifesta


Toma estas cores como suas.
Veste estes flores como pele.
Faz-se de buquê.
Para ser o meu porquê.
Algo se manifesta e há tanta coisa aqui no peito.
A hora passa rápido e eu sei que não tem mais jeito.
Sinto tua essência, teu cheiro.
Nas pétalas enviadas, macias como teu cabelo.
Faz de tudo isto teu manifesto.
Manifesta a tua glória feito flor.
Abre os braços para mim, amor.

segunda-feira, 25 de janeiro de 2016

LEITURA - AS PARTEIRAS DESOBEDECEM A FARAÓ



Teologia
Leitura
AS PARTEIRAS DESOBEDECEM A FARAÓ


O rei do Egito deu a Sifrá e a Puá, que eram parteiras das mulheres israelitas, a seguinte ordem:
— Quando vocês forem ajudar as mulheres israelitas nos seus partos, façam o seguinte: se nascer um menino, matem; mas, se nascer uma menina, deixem que viva.
Porém as parteiras temiam a Deus e não fizeram o que o rei do Egito havia mandado. Pelo contrário, deixaram que os meninos vivessem. Então o rei mandou chamar as parteiras e perguntou:
— Por que vocês estão fazendo isso? Por que estão deixando que os meninos vivam?
Elas responderam:
— É que as mulheres israelitas não são como as egípcias. Elas dão à luz com facilidade, e as crianças nascem antes que a parteira chegue.
As parteiras temiam a Deus, e por isso ele foi bom para elas e fez com que tivessem as suas próprias famílias.
E o povo de Israel aumentou e se tornou muito forte. Então o rei deu a seguinte ordem a todo o seu povo:
— Joguem no rio Nilo todos os meninos israelitas que nascerem, mas deixem que todas as meninas vivam

EXÔDO 01:15-22